T

Do passado remoto ao futuro distante um complexo sistema inteligente conhecido como T dominou o planeta.

Mantendo os rigores de uma lógica ancestral de evolução, projeto e programa, T se expandiu. Dividiu-se em circuitos orgânicos que, usando seres humanos como flexíveis ferramentas e eficientes armas, passaram a disputar acirradamente pelo controle dos jardins: restritos campos férteis ainda não destruídos por oceano, deserto, neve, radiação ou pragas.

Sendo as únicas fontes de recursos nutritivos – como valiosos oásis – os jardins começaram a definhar, vitimados por múltiplos conflitos. Dos planos microscópicos da informática genética e das bactérias artificiais, aos espaços macroscópicos dos indivíduos e suas relações ambientais, sociais e políticas.

Mas todo sistema será sempre um subsistema de algo maior… E uma nova ameaça aos herdeiros de T percorre faminta os céus irreconhecíveis do planeta.

Dois milênios no futuro…

Quem herdará a Terra?

T: um romance sobre a tecnologia, primeira obra do gênero publicada pelo selo neolabore, é uma alegoria sobre a tecnologia e as relações de causa e efeito entre os usos e impactos sociais e ambientais por sua proliferação. Na narrativa, passada quatro mil anos no futuro, diferentes grupos sociais disputam a hegemonia de reservas em uma filosofia de consumo sem o qual a extinção lhes é a única certeza. No entanto, reflexões realizadas, não agem por si, mas em respeito a algo maior e por vezes desconhecido, movidos por devoções lógicas ou patéticas e cientes de sua trajetória em ambientes profundamente hostís, seja na superfície do planeta, seja além.

Na medida em que o limites conceituais e definitórios entre o artificial e o natural se desintegram diante de nossos olhos milenares, T é uma possibilidade antecipatória, um prelúdio de uma nova racionalidade bioética na qual a vida e a morte não mais se antagonizam gravemente ou moralmente, mas se alternam em câmbios e processos que dependem dos métodos de seus protagonistas para repercutir em expansões ininterruptas e portanto, irreversíveis. Nesse sentido, como visto na obra e na nossa realidade compartilhada, Projeto (Design), na acepção mais profunda da palavra, cumpre em suas áreas de conhecimento e atuação uma autoridade inconstável. Somos resultado de pensamentos e ações irremediavelmente anteriores, querendo ou não. Então, o que dizer do futuro, do mais breve ao mais distante?

Pois em T, assim é a percepção e cognição sobre tecnologia: cega aos próprios propósitos, mas afiada conforme quem a empunha como faca, machado ou espada.

Formatos: impresso | eBook Kindle
Dimensões do livro: 14 x 22 cm
Tamanho do arquivo: 2078 KB
Número de páginas: 242 páginas
ISBN: 9781520318288 | ASIN: B017GJ1IG2